Translate

domingo, 22 de julho de 2012

A Vida, Tentar 
                 Entender

Não posso colocar no papel
o que sinto.
Não seria justo lerem.
Talvez injusta sou, pressinto
para infeliz também o serem.

Ou infeliz não sou quem sabe.
Sinto-me apenas triste, irrealizada.
Ou culpa só a mim cabe,
não ter a vida sonhada!

Parece que estou á beira do abismo,
aguardando um deslize para cair.
Prefiro me fechar no mutismo
sem ter força deste mutismo sair.

O difícil é entender é a vida,
ou é difícil saber, viver como condiz.
Que é completada quando compreendida,
procurar viver e tentar ser feliz!


A.C.amorim


Nenhum comentário:

Postar um comentário