Translate

sábado, 11 de setembro de 2010

O VENTO

O vento uiva
trazido do norte
deixando a deriva
até o mais forte.
Entre as montanhas
só vejo o pó
o vento
com artimanha
eu, com paciência de jó.
Venço barreiras
chego no local
cheio de poeira
não sou mais igual!
Do tempo que eu era
um moço... Amadureci
e nos braços quisera
a ter,pois nunca esqueci!
No vento que amansa
levo a esperança
de te encontrar.
Para te dar alegria
e esse amor com tardança
minha saudade, aplacar!


A.C.Amorim
20/03/1999

          <<<<<<>>>>>>

Nenhum comentário:

Postar um comentário